Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Saatchi & Saatchi’

Lembram-se que no ano passado postei aqui uma seleção de novos diretores que a Saatchi&Saatchi mostrou em Cannes? No final da semana passada eles apresentaram o New Directors Showcase 2011 e, para não perder o costume, separei alguns que achei mais bacaninhas. Confesso que tinha curtido mais os vídeos de 2010. Este ano tem muita coisa ótima na produção, mas no meu conceito, não tão forte no roteiro. Mas vamos aos que eu mais curti.

1. Esse filme tem a assinatura da Diesel no final e imagino que faça parte da campanha Be Stuped. Esse eu gostei por ser bem irônico e cheio de críticas.

Esse aqui decepciona um pouco no final, mas vale pela animação.

Este próximo foi meu favorito. A amimação é muito criativa.

Este é um comercial, que até a Má já tinha postado aqui.

Este próximo eu amei o visual, todo feito em papel. Linda direção de arte.

E, por fim, um filme simples, curtinho, mas que achei que ficou muito bonito.

Legal saber que a Saatchi&Saatchi está de olho nos próximos grandes diretores. Um filme publicitário bem dirigido pode ajudar a gerar muita mídia espontânea para a marca e, como todo mundo sabe, em tempos de Youtube, virais e vídeocases, “mídia espontânea” is the new black.

Anúncios

Read Full Post »

Depois de já falarmos do Palmeiras e do São Paulo, chegou a hora de eu representar a nação corintiana. Se você vive num país chamado Brasil e te algum apego por futebol, você deve saber que o timão completou cem anos e que, em comemoração, foi lançada a campanha República Popular do Corinthians. Quando a campanha foi lançada eu já achei muito boa. Não só porque eu sou corintiana, mas também porque ela estava muito bem amarrada. Os torcedores podiam fazer RG, certidão de nascimento, passaporte onde carimbavam cada jogo que iam e até carta de anistia para outros torcedores, embora eu imagino que este item não deva ter sido um dos mais populares. O novo CT levou o nome da República em sua fachada e, isso por si só já gerou muita mídia espontânea, já que muita equipe de reportagem passou por lá. A realidade é que a campanha estava tão bem feita, que nem parecia uma campanha, parecia a oficialização de um sentimento que já percorria a torcida. O resultado? R$13 milhões em mídia espontânea, segundo o vídeocase.

Agora quero fazer dois comentários. Um é a respeito da modinha vídeocase. Essa foi a primeira vez que eu assisto a um vídeocase que fala de uma campanha que de fato eu vi na mídia. Diferente de muitos outros casos que estão por aí, todos nós vimos as ações acontecendo e não só agora quando compilaram tudo com uma música emocinante de fundo e meia dúzia de reações que ninguém tinha presenciado antes.

A segunda coisa que há tempos tem chamado minha atenção é o trabalho pioneiro do marketing do Corinthians que sempre gera muito buzz com ações nunca imaginadas por clubes de futebol. Pensando por cima, lembro da camisa com a foto dos torcedores, usada na última partida que o timão disputou em casa pela série B. Cada torcedor teria que pagar R$1.000 e, como não faltam corintianos fanáticos, a brincadeira arrecadou rapidamente R$4 milhões.

Aí teve também o uso da marca Avanço embaixo do braço. Feio, porém pertinente. Não sei se a ideia foi o marketing do Corinthians ou da empresa de desodorante, mas o fato é que os dois se beneficiaram com o bafafá que gerou.

A contratação de Ronaldo foi um caso a parte. Ninguém podeira imaginar o quanto o jogador se idenficaria com o clube. Hoje, ele é um verdadeiro embaixador da marca Corinthians e sua presença no clube fez o mundo todo voltar os olhos para o Parque São Jorge. Até atores de Hollywood foram visitá-lo no CT e tirar foto com a camisa do timão.

Claro, que trabalhar com uma marca como a do Corithians, que já possui milhões de fãs incondicionais, é praticamente saber que qualquer coisa que você lançar vai ser aceita e adorada quase instantaneamente. Mas, isso não tira o mérito dos responsáveis por sempre colocar o Corinthians no centro das inovações ligadas à comunicação no meio do futebol.

Essa campanha do centenário, feita pela F/Nazca para a Nike (patrocinadora do clube), mostra como uma identidade bem desenvolvida transcende o marketing do clube e chega até o patrocinador, que faz uma campanha tão bem amarrada, que parece ter sido feita pelo próprio Corinthians. O Corinthians não tem medo de ser grande e até Show da Virada, em pleno 1º de setembro, com transmissão ao vivo, o clube conseguiu emplacar.

Eu poderia ficar aqui o dia todo relembrando inovações impensadas que o Corinthians, com a ajuda dos torcedores apaixonados, tornou reais. Desde Disk Marcelinho até Nunca Vou te Abandonar, o fato é que o Corinthians leva a garra pela qual é conhecida dentro de campo para muito além das quatro linhas e consegue fazer com que sua comunicação carregue de forma impecável seu DNA. Seja a comunicação feita por seu próprio marketing, ou pela agência de seu maior patrocinador. Isso tudo não é idealismo de uma corintiana, é a análise de uma publicitária que fica besta de ver como uma marca consegue passar de forma tão alinhada os valores da “empresa”. E que marca não gostaria de ter tantos consumidores prontos para comprar tudo que ela lança e, literamente, vestir a camisa hein? Por tudo isso que eu acho que o Corinthians é um dos melhores cases de marketing do país e pode servir de base para muita empresa, esportiva ou não.

Ah, e só para lembrar: sábado foi dia do nosso padroeiro, São Jorge. Todos vestiram as roupas e armas de Jorge?

🙂

Quanto a campanha da F/Nazca, ganhou não só os torcedores, mas também o prêmio “Idea of the Year” promovido entre os mais de 140 escritórios que a Saatchi & Saatchi tem pelo mundo.

Read Full Post »

Imaginem a família real entrando assim no casamento:

O filme foi criado pela Saatchi & Saatchi de Londres para a empresa de telefonia móvel, T-Mobile. A agência juntou  o casamento mais comentado do ano com um dos vídeos mais vistos do Youtube e criou um comercial muito divertido. Encontraram sósias perfeitas da família real!

O comercial faz parte da campanha Life’s for Sharing e é claramente inspirado no vídeo  JK Wedding Entrance Dance que tem mais 60 milhões de views e que eu adoro!

Read Full Post »

Olá PessoALL!!!!

Tudo bem? Devidamente descansados?

Então vamos lá. Hoje vou comentar sobre a mais recente publicidade de mau gosto, vinda da terra do Fondue.

A divulgação é do jornal francês Courrier, cuja assinatura é L’anticipation
au quotidien. Google translator here we go.

Vocês verão abaixo. Os caras fizeram um anúncio que traz uma analogia com o fatídico 11 de setembro.

Reparem na bandeira que está estampada na capa da revista, no canto inferior esquerdo

Os dizeres são: LEARN TO ANTICIPATE.

Gente. Genteeee. Bom, não preciso comentar muita coisa, só que a criação é da Saatchi & Saatchi frances, que perdeu uma estrelinha com essa besteira.

O problema é que parece que vai virar tradição. Não sei se vocês lembram do anúncio da WWF, feito pela DDB Brasil? Talvez seja melhor esquecer mesmo.

(Emoticon de vergonha)

O texto do anúncio diz: “The tsunami killed 100 times more people than 9/11. The planet is brutally powerful. Respect it. Preserve it”.

Perdoem-me o ataque de dramaqueen que eu vou dar aqui, mas se você é vítima do 11 de setembro ou pior, um parente ou amigo, você não quer saber se morreu menos ou mais gente. É tragédia, é terrível, é doloroso.

Este assunto é muito sensível para ser citado senão de forma jornalística.

Fico me perguntando como é que os profissionais têm coragem de sugerir uma peça dessas. PIOR, como o cliente aprova isso?

Li em alguns blogs que “se o objetivo é chamar atenção, então foi bem sucedido” (parece que esse último anúncio chegou a ir pra Cannes). Acho que os publicitários tem repertório de sobra para não precisar apelar.

E já que estamos falando no assunto, vamos acompanhar o caso do pastor americano que teve a brilhante idéia de sugerir a queima do Corão. A alienação humana atinge níveis cada vez mais profundos e obscuros.

Espero que tenham gostado do post!

That’s all, Folks!

Read Full Post »

Ainda no clima de Cannes, quero compartilhar com vocês algumas referências ótimas que um dos meus Diretores de Arte, que foi ver o festival, trouxe para nós. Na palestra da Saatchi & Saatchi foi entregue uma pastinha com alguns vídeos que mostram o poder da imaginação. Mais que isso os vídeos mostram que nada é impossível no quesito produção, basta usar a criatividade.

Escolhi alguns para vocês. Parem alguns minutinhos e boa sessão:

Esse eu já tinha visto. O mundo está se transformando em pixels e a referência a alguns jogos clássicos é ótima. Além de adorar a parte do Tetris, achei a produção dos táxis se destruindo simplesmente perfeita.

Parkour feito apenas com (muitas) dobraduras de papel. Deve ter dado um trabalho imenso.

Esse clipe conseguiu fazer um uso muito criativo de webcams. O que impressiona é a sincronia.

Mais um vídeo muito trabalhoso e também muito bem-humorado. Stop motion com um ótimo roteiro.

Eu acho extremamente importante quem trabalha com comunicação estar sempre buscanto referências fora do mercado. Deixar um pouco o Meio&Mensagem de lado e ir atrás de referências em curtas, exposições, feiras livres, shows e no que mais aparecer pela frente. Muitas vezes são essas referências que parecem não ter muito a ver com nosso dia-a-dia mas que acabam ajudando a abrir nossa cabeça e trazer aquela ideia que estava faltando, seja na criação ou até quem sabe, no planejamento.

Mas, como esse povo que mexe com publicidade é um tanto egocêntrico, rs, não podia deixar de colocar um vídeo de campanha né? Uma marca de suco de laranja teve a brilhante ideia de levar um sol artificial para o ártico, em uma daquelas épocas onde o local fica seis meses sem ver a luz do astro rei, devido a inclinação da terra. Isso é que é sampling hein?

Se você quer ver os outros vídeos, basta visitar o canal NDS no youtube e se esbaldar.

Read Full Post »

Como um ser humano que vive em São Paulo (um local cheio de trânsito, enchentes e transportes públicos lotados), eu vivo me perguntando quando vão finalmente criar o teletransporte. Mal sabia eu que já inventaram na Argentina, terra que eu tanto amo! Calma, calma, esse teletransporte é um pouquinho diferente do que eu tinha em mente. Ele não me tiraria de trânsito nenhum, mas tirou muitos homens de programas que eles odiariam fazer.

A ideia é simples e brilhante e a maneira como eles colocam no vídeo deixa tudo ainda mais engraçado. O produto: Andes, a cerveja número 1 da cidade de Mendoza. A situação: homens adoram ir para bares tomar cerveja com os amigos. O problema: Namoradas. Elas odeiam quando eles vão para bares tomar ceveja com os amigos. A solução: Andes Teletransporter, uma caixa a prova de som que o homem entra quando vê que sua namorada está ligando, coloca um som de fundo que preferir para fingir que está em outro lugar que não o bar. Os sons vão desde hospital, até Bar Mitzva e trânsito. Dá uma olhada:

Como mulher, achei um atentado à verdade, mas como publicitária achei genial! rs. E vocês, o que acharam? A criação é da Del Campo Nazca Saatchi & Saatchi, mas o Brainstorm #9 recebeu um dica de seus leitores que isso não é nenhuma novidade aqui no Brasil. Segundo o G1, um bar de São Paulo foi mais rápido na ideia, ainda que não tão bem executada. Bom, vinda do Brasil ou da Argentina, a ideia é universalmente boa, não?

Quem me passou o link foi o Lucas Polato. Valeu Lucas!

Besos, me llame!

Read Full Post »