Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘pdv’

Olá PessoALL! Tudo bem?

Nação publicitária, estou com medo da gente. Muito medo.

Realmente chegamos ao ponto de invadir a consciência das pessoas… Se você escutar vozes dentro da sua cabeça, CALMA; não é o Google testando um novo serviço. Pode ser um anunciante fazendo uma oferta.

Exageros a parte, uma nova tecnologia sonora permite que a mensagem seja direcionada a uma única pessoa, de forma que este pobre indivíduo ache que está ouvindo a tal voz da consciência.

Aparentemente pioneira neste tipo de abordagem, a marca neozelandesa de bananas All Goods e sua agência, uma tal de Ogilvy estão utilizando uma tecnologia chamada “Audio Spotlight”. Funciona assim: um aparelho emite uma frequência sonora que se propaga em um raio limitado, que atinge uma só pessoa. De acordo com a Ogilvy, a decisão de comprar produtos do que chamamos de “Comércio Justo” é feita por nossa consciência. E como a All Goods prega uma série de valores como qualidade, benefícios a comunidade de agricultores e etc, nada mais adequado.

Entre outras coisas engraçadas (que vocês irão conferir no vídeo), a voz traz uma mensagem que acaba tirando um pouco o peso “invasivo” que esse tipo de ação tem. São ditas coisas sobre o produto, que sua contribuição irá ajudar toda uma família de agricultores, que o comércio justo é uma ótima escolha… Original, não?

Mas gente, IMHO… eu acho isso tão, tão… “Pink e o Cérebro”! Sabe? Vamos dominar o mundo! Não dá para negar que isso é MASSA, mas eu acho que se a moda pega, vai passar de “meeeeeeeeeeeeu que irado isso” para “affffffff que saco, outra ação chata dessas”. Bom, vejam o vídeo!

Apesar de qualquer especulação da nossa parte, a ação rendeu em um incremento de 130% nas vendas. Wow.

A reação das pessoas valeu vários cliques.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Espero que tenham gostado!

That’s all, Folks!

Anúncios

Read Full Post »

As lojas físicas deixaram de ser apenas o lugar destinado ao ato da compra. Por ser o último ponto de contato cara a cara com o cliente, o ponto-de-venda se tornou um lugar para botar em prática o marketing experimental. É ali que a empresa tem a chance de inserir o consumidor por completo no universo da marca. É por isso que temos visto tantos investimentos nas Concept Stores.

Atenta a essa tendência, a Farm tem repetido uma ação bastante interessante na sua loja na Vila Madalena (aquela loja super múdeerna que falamos aqui). Nas tardes dos dois últimos sábados a marca carioca organizou novamente um evento totalmente ligado às suas origens com:  roda de samba e regado a cerveja Devassa, sorvete e biscoito O Globo. Uma festinha, pouco divulgada, que apenas as clientes mais chegadas e os que por ali passavam puderam desfrutar, o que tornou o ambiente descontraído e intimista.

Quem passa pela fachada, entra para descobrir de onde vem o som. Quem vai só para dar uma olhadinha nas araras, fica um pouco mais. Um lugar que parece mais um quintal da casa de um amigo, para ficar a vontade, conversar, dançar, levar o cachorro, descansar depois de um passeio de bike, sem pressa para ir embora, sem atendentes empurrando uma venda.

E assim a Farm transforma a visita em uma experiência prazerosa e conquista mais alguns fãs.

Vejam o vídeo da ação aqui embaixo:

Read Full Post »

Fala no meu ouvidinho…

Para a divulgação da nova Nhá Benta Coco a  Kopenhagen inovou  na comunicação no ponto-de-venda.

Na entrada de cada loja foi colocado um totem com a imagem do Rodrigo Lombardi (galã sensação da atual novela das oito) simulando uma conversa ao pé do ouvido de quem está ao lado. Ao apertar um dos botões do totem as clientes (não vi nenhum homem experimentando, mas pode ser que aconteça) ouvem o sussurro em tom sexy (um pouco forçado) do ator dizendo como é a nova Nha Benta é uma delícia em todos os sentidos. Apesar de não gostar da campanha em si, achei muito boa a idéia do material de pdv.

PDV da Kopenhagen para lançamento da Nhá Benta Coco

PDV da Kopenhagen para lançamento da Nhá Benta Coco

Em apenas 15 minutos, enquanto tomava o café, cinco mulheres de diferentes grupos pararam na frente da peça curiosas e todas saíram dali rindo.

Impresso

Impresso

A peça é o único diferencial da campanha. Os anúncios impressos, spots e filmes seguem a mesma linha, mas forçam a barra demais na voz sensual do ator e caem na mesmisse do que já foi feito pela Kopenhagen.

Read Full Post »