Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Greenpeace’

Lembram da briga do Greenpeace contra a Volkswagem, que não respeita as leis européias para a diminuição de emissão de CO2? Se não lembram tem um post aqui sobre isso!

Pois bem, como se já não bastasse os vídeos e ações já criadas para combater a VW, eles querem mais.  O Greenpeace está lançando um desafio a partir do dia 17 para os quem é da associação, onde a pessoa deve criar um vídeo de um minuto com o tema “anti Volkswagen”. O prêmio é 5 mil libras para quem fizer o melhor roteiro.

Bom fim de semana!

Bjs

Anúncios

Read Full Post »

A causa é nobre, o cliente é o Greenpeace e agência é a bambambã. Mas a campanha não é nada excepcional, é só engraçadinha.

A campanha “Deixe as baleias namorarem” faz um protesto contra a exploração de petróleo em Abrolhos, prática que prejudica o acasalamento das baleias Jubarte. Para defender a causa e incentivar o romance das baleias, a AlmapBBDO resolveu criar um campanha cheia de cantadinhas bobas, que de bobas chegam a esboçar um sorriso (ou será que estou de mau humor hoje?). De qualquer maneira, só a causa vale.

Vejam os impressos:

Vejam o vídeo:

Vocês riram?

Read Full Post »

Detox, de detoxication.. traduzindo: desintoxicação, ação de desintoxicar, eliminação dos tóxicos. Já conheciam?! Pois bem, Detox é tema da mais nova do Greenpeace pra desafiar as grandonas Nike e Adidas, que tem poluído as águas da China com suas fabricações.

Como eles já costumam fazer (vide exemplo Volkswagen), o filme parece mais uma propaganda da marca, brincando com o universo esportivo que elas estão inserida. E pra fechar, o grande tapa na cara das empresas, do tipo “E ai, não vai fazer nada?”

 

 

Confesso que achei esse final pesado, onde só ficam as roupas, mas são essas pegadas pesadas que, na minha opinião, mexem com as pessoas e as próprias empresas.

Curtiu?

Até o Chá

Bjs

Read Full Post »

Olá PessoALL… Tudo bom?

Todo mundo lembra daquele comercial bacana da VW com o Mini Darth Vader, né?

Nessa semana o Greenpeace fez uma paródia engraçadinha para cutucar a VW, que não respeita as leis européias para a diminuição de emissão de CO2.

E eis que o vídeo “The Dark Side” é divulgado.

Este é o episódio 1. Para ver o episódio 2 da saga, é necessário visitar o site  http://www.vwdarkside.com/en. Eu entrei e…WOW, tem muita gente entrando nessa briga contra a VW.

Bom, aí você descobre que para assistir ao segundo episódio não basta somente entrar no site; é preciso assinar o manifesto. Ok, como sou curiosa não custa nada e é por um bom motivo, coloquei meus dados e fui direcionada para uma página com o episódio 2.  É bem uma continuação do episódio 1 mesmo, não vou contar mais porque odeio spoilers. Em paralelo, recebi um e-mail, como esperado. O que não era esperado é que esse e-mail não se tratava de um simples “obrigado por sua contribuição”. O texto (inglês), além de bem escrito, trazia uma imagem de um sabre de luz teoricamente confiado a mim, para me ajudar na batalha para tirar a VW do lado negro da força. ahahaha. Divertidinho.

Cliquei no meu lightsaber e caí em uma landing page toda trabalhada na customização. Olhem só que genial.

Como vocês podem ver, eu tenho só um pontinho, e com mais 4 eu evoluo para um Baby Ewok. =) Se completar 5 pontos, você ganha uma camiseta.=D

Para ganhar os pontos, basta divulgar em suas redes.

Curti bastante a ação. Divertida, estimula o engajamento do público, bem feitinha… Vale a pena parar uns minutinhos do seu dia para acompanhar.

Espero que tenham gostado!

That’s all, Folks!

 

 

Read Full Post »

Não é novidade para ninguém que o Greenpeace traz à tona questões ambientais para conscientizar a população, e claro, o mais importante, tentando preservar o mundo em que vivemos. E a ONG já tem como marca, a forma criativa que utiliza para realizar esses protestos.

E essa semana, não foi diferente, a ONG, fez um protesto mundial contra a MATTEL, fabricante de uma das bonecas mais conhecidas do mundo: A BARBIE.

Tudo isso porque, na produção das embalagens da boneca, a empresa adquire madeira proveniente de desmatamento ilegal na Indonésia. Olha só que meleca!!!

Para chamar a atenção, desenvolveram toda uma história entre os dois personagens mais conhecidos da empresa: Ken e Barbie.

Primeiro criaram um vídeo, onde o Ken termina o namoro com a Barbie, pois não aceita namorar uma boneca que vem em caixas de madeiras com procedência ilegal. E em seguida, vão a sede da empresa na Califórnia, burlam a segurança e penduram uma grande faixa anunciando o término.

A ação gerou muito buzz, confiram só o vídeo:

E claro, devido a revolta dos consumidores, a empresa teve que se posicionar, afirmando que irá desenvolver uma política de compras sustentáveis para todas as linhas de produtos, com o foco na questão do desmatamento.

Yes!!!! Adoro, quando isso acontece, por força maior, claro, (porque nenhuma empresa vai sair por aí dizendo que faz práticas ilegais, né?) tanto com a repercursão da marca como pela pressão dos consumidores, obrigou uma grande marca a rever os procedimentos adotados. Ponto pro Greenpeace!!!

Espero que tenham gostado.

Bj Bj

Read Full Post »

Há cerca de 15 dias o KitKat ganhou um sabor amargo. Tudo começou com este vídeo:

Produzido pelo Greenpeace, o vídeo exige que a Nestlé pare de usar o óleo de dendê – também chamado de óleo de palma – já que, a conversão do uso do solo de mata virgem para o plantio de palmáceas é  tida como a principal responsável pela destruição das florestas tropicais da Indonésia – atingindo as comunidades locais e colocando os oragotangos nativos à beira da extinção.

O problema é que o tal óleo é um dos principais ingredientes dos chocolates da Nestlé, entre eles o KitKat. Surgiu assim a campanha Nestlé Killer, que utiliza tipografia e logo do famoso chocolate para chamar a atenção da sociedade.

A campanha contou também com protestos de ativistas na frente dos escritórios da Nestlé na Inglaterra, Holanda e Alemanha.

Em resposta, a Nestlé deu aos marketeiros e publicitários de plantão a valiosa lição de “como-não-se-deve-fazer-em-caso-de-crise”:

1) JAMAIS TENTARÁS EXCLUIR UM VÍDEO DA WEB
A empresa pediu para que o YouTube tirasse o vídeo do Greenpeace do ar,(tsc, tsc). Como muita gente já tinha repostado, ele começou a pipocar em diversas contas e ficou impossível de ser eliminado. Lembram do caso Cicarelli? Quanto mais proibido, mais procurado o vídeo é. Tanto que até agora mais de 600 mil pessoas já assistiram.

2) NÃO SERÁS MAL-CRIADO COM TEUS CONSUMIDORES
Os usuários do Facebook visitaram a página da Nestlé para perguntar se a empresa iria parar de comprar de fornecedores que desmatam para plantar dendê e receberam respostas mal-educadas. Apesar da tentativa da Nestlé de abafar o caso, inúmeros sites e blogs deram a notícia.

Qual foi o resultado de tantas atrapalhadas da Nestlé na tentativa de encobrir os fatos? Mais de 100 mil pessoas em todo o mundo enviaram ao presidente da empresa na Suíça, Paul Bulcke, uma carta apontando os problemas e pedindo soluções. Quer tirar o sono do homem também? Clique aqui e mande sua carta.

Quem continua achando que não pode fazer nada pelo mundo só porque não tem tempo hábil de ser um ativista daqueles que se penduram e protestam por aí ou porque não tem dinheiro para doações, a organização mostra que está enganado. Grande parte da mobilização desta campanha se deu graças ao cyberativismo.

E não é que funciona? A Unilever, que também já foi alvo do Greenpeace em campanha parecida, já cancelou seu contrato com a Sinar Mas, empresa que irresponsavelmente cultiva a palmácea e é um dos fornecedores da Nestlé.

Read Full Post »

Sustentabilidade social é um assunto que vem sendo muito comentado; empresas mostrando seu lado verde, ativistas lutando contra as mudanças climáticas, países se preparando para a reunião de Copenhague na Dinamarca. Entre tantas outras coisas abordadas recentemente é fato que o planeta está precisando de ajuda. Franny Armstrong é inglesa e diretora de documentários. Idealizou a campanha: 10:10 – onde o objetivo de cada indivíduo é cortar 10% da emissão de carbono até 2010.

Ativista consciente na luta contra o aquecimento global e nas mudanças climáticas, Franny lançou mundialmente na última terça-feira (22/09/2009) seu último documentário, The Age of Stupid, traduzido para o português como “A Era da Estupidez”. No Brasil é distribuído pela MovieMobz. O filme tem o apoio das ONGs: Greenpeace e Instituto-e.

Filme que chama a atenção para a necessidade de governantes e cidadãos de todo o mundo agirem contra o aquecimento global. Longe de ser um filme com sermão, e com receitas de “faça isto ou aquilo”, “A Era da Estupidez” mexe com quem o assiste, pois nos sentimos mais um personagem.

O filme passa no ano de 2055 quando o planeta já chegou ao ponto da destruição ambiental. Um velho, interpretado pelo ator Pete Postlethwaite, analisa cenas das muitas tragédias ambientais ocorridas no início do século 21, e se pergunta por que os seres humanos não se salvaram quando ainda tinham a chance.

Eu recomendo!

O palco principal do lançamento de “A Era da Estupidez” foi em uma tenda montada especialmente para a exibição do filme, em Manhattan, na cidade de Nova York. E claro, foi inteiramente abastecida por energia solar.

A cerimônia contou com importantes mulheres que vestem a camisa nos assuntos ambientais, como a atriz Gillian Anderson (“Arquivo X”), a própria diretora Franny Armstrong, a produtora Lizzie Gillett e Thom Yorke, vocalista do Radiohead, que finalizou o evento tocando.

O diferencial: Os convidados foram recebidos com tapete verde e chegaram à festa através de transportes alternativos, como barcos, bicicletas, skates, veículos movidos a biodiesel de óleo de fritura e riquexós (táxis ecológicos de tração humana). Toda a energia utilizada no evento resultou em apenas 1% do carbono normalmente emitido em uma pré-estreia tradicional.

 

 

Falando em responsabilidade social, a campanha “Xixi no banho”, desenvolvida pela agência F/Nazca para o cliente: SOS Mata Atlântica no início deste ano também deu o que falar. O mote foi mostrar que é possível economizar até 4.380mil litros de água por ano, quando se faz xixi no banho.

O site possui um belo visual e o filme foi muito bem produzido, o que o tornou um viral de bom gosto e de forma natural.

 

Sendo assim, o “GAROTAS”, assume hoje sua participação como cyberativista na luta contra o aquecimento global e assume a luta na  preocupação com o meio ambiente. Definindo hoje como novas associadas ao Greenpeace.

E você, já está fazendo sua parte?

Read Full Post »