Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘globo’

Virou mania empilhar copos em menor tempo. Se você ainda não está por dentro assiste o programa do Luciano Huck no sábado que você vai entender! Ou entra no site da Fanta e aprenda a jogar!

 

Torre Copos, como eles estão chamando o jogo, surgiu nos Estados Unidos com o nome Speed Stacks, há 40 anos atrás. Me lembrou aquela brincadeira da modinha de tazos que existia na nossa época.  Nos Estados Unidos fez tanto sucesso que virou esporte e tem campeonato mundial com mais de 20 países.

Será que vai pegar no Brasil? Pelo que estou vendo já está pegando, graças a intervenção da Globo, vamos combinar né. Além de ter um p#ta nome por traz, a Fanta, da imbatível Coca-cola. No palco do Caldeirão do Huck, candidatos de 12 a 16 anos, selecionados por estado se confrontam para conseguir empilhar os 12 copos em menor tempo, respeitando as ordens e regras do jogo. O que eles ganham? Uma bagatela de 100 mil reais! Pena que já passei dessa fase.

Falando da ação no geral, gosto da linguagem jovem que a Fanta trabalha, o que a permitiu entrar nesse patrocínio, além de ter um cunho todo esportivo por trás suportado por um programa de grande audiência.

Read Full Post »

Um dia após o término das Olímpiadas de Pequim em 2008, lembro de abrir o Estadão e encontrar o seguinte anúncio da Record.

O texto dizia:

“Beijing, Beijing e tchau, tchau.
Hoje é o primeiro dia da próxima Olimpíada. Hoje é dia de olhar para a frente. Dia de pensar em novas conquistas, como ser a única emissora de TV brasileira a transmitir os próximo Jogos Olímpicos de Inverno de Vancouver, em 2010, os Jogos Panamericanos de Guadalajara, em 2011, e os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. Porque é com vitórias assim que se contrói o verdadeiro caminho da liderança. Para você que vibrou, se emocionou e torceu com os Jogos de Beijing, saiba que começa hoje um novo ciclo olímpico. O ciclo olímpico da RECORD, que já está se preparando para levar muito mais até você.
Record. A emissora oficial das Olimpíadas de Londres 2012.

Eu, como publicitária, adorei a piadinha medíocre e a provocação descarada. O anúncio revelava um tom vingativo de uma emissora que nunca tinha transmitido um evento tão grandioso. Na época, a Record meteu a mão no bolso do bispo e pagou mais de 60 milhões de reais para tirar da Globo os direitos de transmissão dos jogos olímpicos. No pacote veio também o Panamericano, que hoje tem se mostrado um evento de preparação não só para os atletas brasileiros, mas também, para a emissora que até agora tem cometido gafes vergonhosas.

Algumas gafes da Record:

1) Ao vivo quando não está ao vivo: Enquanto a ginástica rítmica do Brasil levava o ouro, a Record transmitia o imperdível programa do Gugu. O programa termina e a emissora passa a transmitir a ginástica com o selo “ao vivo” na tela. A gafe repercutiu no Twitter e tempo depois a emissora retirou o selo.

2) Ouro quando não é ouro: A falta de preparação de alguns repórteres é clara. Durante a mesma transmissão de ginástica, o repórter da Record comemora o ouro quando o Brasil apenas tinha passado da primeira etapa.

3) É meu, tudo meu: A Record não concedeu a mais ninguém os direitos de transmissão, como a Globo já fez com a Band. Ou seja, azar o seu se você gosta mais de esportes do que do Gugu. Veja o Gugu.

4) Looping de comerciais: Esqueceram de avisar a equipe comercial da Record que eles podiam aproveitar o Panamericano para negociar espaço loucamente. Não aguento ver os MESMOS comerciais o tempo todo.

Eu não sou a favor do monopólio da Globo nas transmissões. Pelo contrário, acho saudável essa briga entre as emissoras, faz com que as concorrentes se aprimorem e entreguem o seu melhor aos telespectadores.  Do mesmo jeito que ensina a Globo, que sempre foi tão onipotente, a cobrir um evento sem deter os direitos sobre ele. Só espero que a Record aprenda bastante até o ano que vem!

Read Full Post »

Esse sim tem sido um assunto de chá da tarde! 

O cenário:

Uma das maiores redes da televisão brasileira – Globo

Um dos programas de maior audiência do Brasil – Big Brother Brasil

Um dos maiores patrocinadores – Guaraná Antártica

E uma prova do líder…

Desde terça-feira o assunto mais comentado nos almoços e cafezinhos voltou a ser o BBB.. E o assunto mais falado de hoje foi a prova do líder! 

Para contextualizar quem não assistiu…

O apresentador entregou a prova antes da hora, problemas técnicos, sem teste, falta de comunicação e quedas que poderiam ter provocado acidentes graves com o participante. 

Ficou feio né?! Mas até que o Pedro Bial se saiu bem com naturalidade e sinceridade! E por um lado ele tem razão “A gente mais acerta do que erra”. Acho que ficou mais feio para a Globo, por sempre pecar nas provas do líder, por não ter realizado um teste antes e ter deixado o patrocinador pagar esse mico. Já o patrocinador, que investe uma senhora grana, espera que tudo dê certo e que esse tipo de coisa não aconteça. Não sei se vocês lembram, mas no Big Brother passado, a mecânica da prova do líder com Guaraná Antártica também foi estranha. Eles tinham que berber copos e copos do refrigerante e faziam caras péssiamas.  Mas quer saber, é aquele famoso ditado,”falem bem ou mal, mas falem de mim”. No fim ficou tudo muito engaçado!

E você, o que achou disso tudo?!

Read Full Post »