Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 20 de junho de 2011

O Vitor da Puzzle Creative Thinking, que está em Cannes e vai mandar coisas bacanas de lá para a gente, contou que anda ganhando muita coisa de graça por lá. E nós do Garotas que a-do-ra-mos um brinde achamos bem legal a máquina da Kibon. Você para na frente dela, dá um sorriso e, em troca, ela te dá um sorvete.

Para entender melhor como funciona a brincadeira, é melhor ver o vídeo que tem a participação do Ricardo Moura, da Publicidade Archote, um amigão e também meu ex-dupla. Muito esperto ele pegou logo o sorvete mais gostoso. Aliás, observem que a máquina possibilita que você compartilhe a experiência no Facebook.

Na realidade, lembro de o ano passado esse mesmo amigo, o Ricardo, ter comentado sobre essa máquina. Então ela não é exatamente nova, mas faz sucesso. Lá está calor e todo mundo quer um sorvetinho na faixa.

Read Full Post »

Depois de ver o comercial de lançamento do jogo The Legend of Zelda: Ocarina of Time em 3D eu fiquei apenas com uma perguntinha na cabeça…

O Robin Williams realmente deu o nome da filha dele de Zelda por causa do jogo? Bem, qualquer que seja a resposta não acho que isso é um motivo forte o suficiente para ser tema de um comercial. É apenas um motivo forte o suficiente para agradecer não ser filha do Robin Williams.

Read Full Post »

Usar um assunto pertinente ao momento é uma arte na publicidade. Com a rapidez da internet, por mais que você tenha uma boa ideia de campanha de oportunidade, até conseguir produzir e aprovar com o cliente, o timing pode ter ido para o beleléu. Mas, a nova campanha de Axe conseguiu usar um tema bastante atual e que não vai expirar tão cedo: o final do calendário Maia em 2012, motivo que leva muita gente a crer que o mundo vai acabar no ano que vem.

O comercial é bem legal, especialmente pelos detalhes dos objetos inusitados feitos de madeira como caixas de som e uma academia completa. Mas, o que eu gostei mesmo foi a maneira como Axe conseguiu usar o mote “fim do mundo”. Poucas marcas conseguiriam usar 2012 de maneira tão bem humorada e leve, tratando o assunto como um motivo de celebração (“Feliz fim do mundo”) e não de medo.

Mas Axe vem, há muitos anos, criando essa aura bem humorada e extremamente ousada para sua marca o que fez com que a ideia caísse como uma luva na imagem do desodorante. Simplesmente adorei o uso do mito do fim do mundo em 2012 para lançar um novo produto. Isso vai muito, muito além de um anúncio de oportunidade. Destaque para a trilha que eu achei perfeita. Deu bem umapegada de fim dos tempos e a letra ainda diz: no man can walk alone. Bom, esse cara do comercial definitivamente não vai caminhar (nem navegar) sozinho. E a cereja do bolo é a frase “O último Axe”. Último porque o mundo vai acabar, ou porque depois desse os homens não vão querer mais mudar. A chamada torna o produto definitivo. Do ponto de vista de uma redatora isso ficou perfeito.

A nova fragrância foi lançada no México. Será que não chega no Brasil?

PS: A primeiríssima pessoa a me mandar o vídeo foi minha amiga e jornalista preferida, Débora Costa e Silva.

Read Full Post »